Dicas de decoração para sala de jantar

Uma sala de jantar de uma residência tem que ser bem valorizado pelo decorador. Afinal, esse é o ponto do lar onde as famílias se reúnem para conversar, para confraternizar com os amigos, e apreciar uma bela refeição.

A sala de jantar, portanto, tem que ser um local charmoso e sofisticado – de acordo com o estilo da casa -; e, por isso, devidamente mobilado e bem ornamentado.

Quais os móveis básicos para sala de jantar

Alguns arquitetos e designers de interiores podem resumir assim, que a sala de jantar é composta, basicamente, de mesa de jantar e cadeiras. Sim, isso é verdade.

Acontece que, na hora de servir as refeições, é possível que o anfitrião sinta a necessidade de mais espaço e queira apoiar os pratos sobre outro móvel. Para isso, pode-se ter um buffet ou um aparador, por exemplo.

Perto da mesa de jantar é aconselhável ter mais outras peças mobiliárias auxiliares. As cristaleiras servem para deixar por perto bandejas, pratos, copos e taças extras.

Outro item interessante para o local são os banquinhos. Eles podem ter um design diferenciado. E serem acrescidos ao espaço por dois motivos, o estético – complementando a decoração – e o funcional – sendo mais opções de assento.

Como criar um ponto focal na sala de jantar

Obviamente, se os principais móveis de uma sala de jantar são a mesa de jantar e as cadeiras, estes é que devem ser o ponto focal do cômodo. Correto? Bem, não necessariamente.

Não há regras quanto à isso. Em certas propostas a principal atração visual é outro elemento. Uma alternativa é fazer a parede principal do ambiente – de fundo para a mesa – o maior destaque da sala, com a aplicação de tinta ou de revestimento.

Claro que tem mais coisas que podem virar o ponto focal da sala de jantar. A primeira delas é o lustre pendente central sobre a mesa, em formato inovador.

Além disso, um móvel de cor chamativa nas proximidades – pode ser o próprio balcão buffet ou a cristaleira.

Um grande painel de fundo, com uma figura cheia de movimento e que inspire uma boa alimentação. Um centro de mesa. Ou um tapete no piso. Tanto faz!

Como decorar adequadamente a sala de jantar

Sala de jantar pode ser um cômodo a parte ou um cômodo integrado a outros ambientes da casa, como cozinha, sala de estar e varanda.

Dito isso, este ambiente deve ser bem mobiliado e ornado e, preferencialmente, estar em harmonia com o estilo de decoração proposto para o restante do lar.

Mesmo que no local haja um objeto de design diferente e único, o conjunto, como um todo, precisa dialogar com tudo o mais que tiver ao redor.

Em tese, uma sala de jantar pode ter qualquer tom de base – azul, amarelo, vermelho ou laranja.

O que vai interferir na decisão do decorador é mesmo a intenção de projeto. Fora essa necessidade de ter de integrar a decoração desse ambiente com a dos outros, tem também as preferências da família e os efeitos psicológicos das cores sobre a mesma.

Como adicionar cor, brilho e textura na sala de jantar

Se a intenção é fazer as pessoas na sala ficarem animadas e confraternizarem, talvez o melhor seja usar no cômodo tons quentes.

Só que isso também poderia fazer todos se sentirem angustiados, nervosos e até comerem mais. Cores frias, como o azul, provocam o efeito oposto – tão oposto que pode desanimar. Já os verdes e laranjas lembram que é bom se alimentar de forma saudável. Então, qual mensagem você gostaria de transmitir?

Brilhos e texturas também podem provocar efeitos bons e ruins nas pessoas. A luz tem um efeito poderoso de destacar a mesa e os alimentos servidos.

Um espelho na parede pode “duplicar” esta fartura, fora que deixa o ambiente com visual sofisticado. Cristais no lustre; papel, tijolo e pedra na parede; e madeira no piso é o que mais se vê em propostas de decoração para salas de jantar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *